Revolta na Educação-Registro


Registro das nossas conversas online:

- Porque a campanha tem um titulo tão agressivo?
- Não é agressão, é a tradução de um sentimento.
- Sentimento contrário a campanha da RBS?
- Não sou contra a campanha realizada pela RBS, tanto que recomendei três artigos da campanha!
- O logo que você criou parodiando “A Educação Precisa de Respostas” da RBS, passa a ideia de confronto.
- Sô doido, mais não sou burro! Confrontar a RBS? Jamais. Não sou contra a campanha, isso tem que ficar claro, o que não me agrada é a forma que a campanha se apresenta. A credito na boa intenção da RBS, mas ela precisa perder o medo de se envolver literalmente com seus projetos sociais, ela precisa contratar pessoas exclusivamente para gerenciar esses projetos, da mesma forma que faz com o Planeta Atlântida por exemplo. Uma campanha desse gênero tem que ser muito mais que um belo projeto publicitário. É necessário envolvimento, veja por exemplo as ações individuais de alguns funcionários do grupo, como A Feijoada do Pulita em Caxias e A Feijoada do Cacau em Floripa. São ações que acabam agregando um imenso valor a marca RBS.
- Então é um sentimento de desaprovação?!
- Não desaprovo a campanha, desaprovo como campanha!
- Não é uma contradição?
- Em minha resposta não, na campanha sim! Desaprovação é o sentimento que tentei traduzir no logo. Não sou PhD em marketing, mais uma campanha que se propõe questionar os resultados e os métodos da nossa educação, ser apresentada como fruto dessa própria educação é no minimo contraditório.
- Como assim?
- Observe o logo da campanha da RBS. Me diga o que representa aquele dedo levantado?
- O CDF da turma! (risos) O dedo de alguém disposto a responder. 
- Fiz essa pergunta a 20 pessoas antes de escrever o primeiro post, elas deram exatamente a mesma resposta que você. Então eu dizia: Pirei de vez! Pra mim esse dedo é de alguém querendo fazer uma pergunta! Três concordaram com essa possibilidade, 17 atestaram que realmente eu havia pirado! Mais nessa piração constatei que precisamos acabar com a ignorância de um sistema educacional mais preocupado com as respostas do que com as perguntas!

- Peraí! A campanha tem seis perguntas!
- Exatamente! O pior é que somente duas tem relevância!
- Quais seriam as quatro negativas?
- Aquelas penduradas em fontes e relatórios de instituições que seguem critérios e parâmetros que teimosamente generalizam. 
- Fiquei inspirado, acho que vou trabalhar esse tema com o ensino médio!
- Tenho certeza que irão gostar.
- Alguma sugestão?
- Surpreenda-os, seja criativo!
- Deixa de ser pão duro poeta! Deus te deu tanto, divide um pouco essa criatividade! Uma ideia para introdução!
- Que tal colocar uma música do Gaúcho da Fronteira!
- Gaúcho da Fronteira?! 
- A Utilidade do Dedo......